✑ EU ABISMAIS

Você não é mais aquela garota linda cor da manhã
Que me encantou um dia,
Você não tem mais a cor do sol
Ebriando qualquer espaço meu,
Você não se parece mais em nada com o céu azul
Azul capaz de dominar minhas montanhas,
O teu rosto está vazio pra o meu eu(pra o meu querer)
Nenhuma lua existe ou se reflete no teu rosto,
Não sinto nenhum passo teu
quando andas e te aproximas (fisicamente mesmo) de mim.
Tua voz não é nada, não diz nada,
Você não é mais aquela garota descolada
que eu queria andar contigo.
Não quero saber de tuas coisas...
Quero que esta colossal  distância nossa se amplie definitivamente
sem aversão nenhuma
Como tem que ser.
Meu Deus, como eu queria que tudo isso fosse verdade!!

Compartilhe esse poema nas redes sociais!

Leia Também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo