✑ O poder da paixão

Solitáro em seu apogeu
Vazio no submundo
Então ela apareceu
E sua vida mudou de rumo

Sua doce beleza
Com sua delicada afeição
Foi o que pode com certeza
Interferir no seu coração

Era demasiado frio
Não esperava certas mudanças
Mas como a fonte de um rio
O fez acender a esperança

Compartilhe esse poema nas redes sociais!

Leia Também:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Topo